Empresa curitibana produz móveis exclusivos com cordas ecológicas




A GS Fibras Naturais, é uma empresa criada há mais de 50 anos, reconhecida como uma das líderes no segmento de mobiliários Premium em todo o Brasil. Com a marca também consolidada em outros países, a empresa natural de Curitiba, Paraná, decidiu então inovar seu catálogo de produtos, passando a produzir modelos com foco sustentável.

Com a ideia de se desenvolver ecologicamente, a GS veio a público anunciar o lançamento de sua primeira linha de móveis desenvolvida artesanalmente com cordas ecológicas, fabricadas através da reciclagem de garrafas PET. A iniciativa faz da empresa a primeira em território nacional a fabricar uma linha inteira de móveis com cordas PET, contando com material 100% proveniente de material reciclado.

“Derivado do poliéster, o PET apresenta um alto grau de resistência, além de ter baixa elasticidade, o que o qualifica como um dos melhores materiais para utilizar na fabricação de cordas para amarração. Nossas cordas são testadas em laboratórios e possuem laudo técnico que atestam sua capacidade à ruptura, indicando qual é seu limite e garantindo um produto de qualidade para o consumidor”, explica Vitor Stival, diretor da GS.

De acordo com a assessoria da empresa, a cada quilograma de corda ecológica produzida, cerca de 20 garrafas PET de dois litros deixam de ser descartadas na natureza, uma das razões que motivou a GS a investir no projeto. Para se ter uma ideia do tamanho da ação, a linha de móveis já conta com 50 peças exclusivas, o que representa um grande número de materiais reaproveitados.

“Todas essas peças são montadas manualmente para garantir a máxima qualidade. Além das cordas ecológicas, nossos produtos são desenvolvidos com madeiras licenciadas, tudo para garantirmos a sustentabilidade dos nossos produtos e, principalmente, para contribuirmos para um mundo melhor para todos”, finaliza Vitor.

Fonte: https://www.pensamentoverde.com.br/reciclagem/empresa-curitibana-produz-moveis-exclusivos-com-cordas-ecologicas/




Veja também



Engenheiros aprimoram tecnologia para purificar água com luz solar
Proposta de cidade flutuante autossustentável ganha apoio da ONU
Chilenos criam sacolas que se dissolvem na água
Saiba onde descartar resíduos eletrônicos de forma gratuita